Arquivos

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis




Blog da yasmim
 


Katy Perry deve se apresentar no Brasil este ano, diz jornal

RIO DE JANEIRO - Ao que tudo indica, Katy Perry pode pintar em terras brasileiras ainda este ano. De acordo com a coluna "Gente Boa" do jornal carioca "O Globo", a cantora marcou o evento com o objetivo de divulgar seu novo álbum, "Teenage Dream".

Apesar dos boatos, a apresentação ainda não foi confirmada. Pelo menos o site oficial de Katy não mostra data ou alguma informação sobre o assunto. Para os fãs, é esperar e torcer!Imagem: Divulgação



Escrito por mimim às 11h48
[] [envie esta mensagem
] []





Pode voltar também, Argentina. Alemanha está nas semi

Goleada por 4 a 0 no Green Point despacha os hermanos de volta para casa


Maradona tinha razão quando disse, após a eliminação do Brasil, que tinha muito com o que se preocupar e não falaria sobre o assunto. Neste sábado, a afirmação de Don Diego fez todo o sentido do mundo: a Alemanha fez implacáveis 4 a 0 nos hermanos, tendo sido melhor durante toda a partida.

CONFIRA UM SHOW DE IMAGENS DO CHOCOLATE ALEMÃO. ADEUS, ARGENTINA

Nem todos os santos, nem todos os craques e toda ofensividade argentina foram suficientes para derrotar a nova Alemanha de poloneses, turcos, tunisianos e até brasileiros. A Alemanha que não joga como a de antigamente, é rápida, objetiva e insinuante. A Alemanha que chega à semifinal da Copa do Mundo como principal favorita à conquista do título.

Agora a Alemanha espera o vencedor do confronto entre Paraguai e Espanha para saber quem enfrenta na semifinal da Copa do Mundo.

ARGENTINA COMEÇA VENCENDO. NAS CAMISAS...

A Argentina foi a campo com a camisa celeste e branca, como a que vestia no título mundial de 1986, que conquistou após vencer a Alemanha na final. De azul, contra os próprios alemães, as lembranças não eram boas: vice-campeonato em 1990 e eliminação no último Mundial. A superstição jogava a favor, mas Otamendi, no início, parecia querer jogar contra...

O lateral-direito não foi tão direito assim ao cometer a falta que originou o primeiro gol alemão. Schweinsteiger cruzou e Müller - aproveitando vacilo dele mesmo, Otamendi - desviou de cabeça. Traiu Romero, que ajudou a bola a entrar no próprio gol ao tocar de pé direito, sem querer. E a Alemanha viria a fim de engolir os argentinos.

Envolvente, trocando passes com rapidez, o time dirigido por Joachim Löw sufocou os hermanos. Burdisso e Demichelis pareciam perdidos, e o posicionamento do setor defensivo da Argentina - os jogadores estavam distantes uns dos outros - facilitava a vida dos europeus. E olha que Özil, uma das sensações desta Copa, pouco viu a bola.

KLOSE DESPERDIÇA GRANDE CHANCE. E ARGENTINA, ENFIM, ENTRA EM CAMPO

Klose teve a chance de ouro e perdeu, após bela jogada de Müller pela direita. O jovem alemão aproveitou que Burdisso e Heinze bateram cabeça, avançou e tocou para o artilheiro. Mas de canela é difícil, e Klose isolou. E a Argentina, que já havia se encontrado, passou a chegar mais constantemente ao ataque.

Pouco depois de meia hora de jogo, Di María conseguiu dar o primeiro chute a gol dos argentinos. Mas não deu trabalho a Neuer. Higuaín chegou em seguida, girando sobre o zagueiro e batendo de esquerda, também sem muito perigo. Os hermanos estavam no jogo de vez e deixaram o campo no primeiro tempo aplaudidos por Maradona.

Os dez primeiros minutos da segunda etapa foram da Argentina. Mas esbarrava ora na defesa argentina, ora na deficiência do ataque - principalmente de Higuaín. Tudo bem que ele já marcou quatro vezes na Copa, mas não acertou nada daquilo que tentou contra a Alemanha. E já havia cometido deslizes em outras partidas deste Mundial.

UM, DOIS, TRÊS

Os alemães se fecharam e tentavam sair no contra-ataque. Para completar, Otamendi parecia mesmo ter vontade de ser o principal personagem da partida. Fez faltas próximas à área que levaram perigo. E foi pelo setor direito de defesa da Argentina que a Alemanha chegou ao segundo: Podolski avançou sozinho, sem marcação, e rolou para Klose: 2 a 0.

A Argentina se lançou ao ataque desesperadamente. E a alteração de Diego Maradona para chegar ao empate, àquela altura ainda mais difícil, foi no mínimo questionável: com Milito e Agüero no banco, o Pibe lançou Pastore no lugar de Otamendi. Não é preciso dizer o que aconteceu...

Nada mudou a favor dos hermanos, apenas contra. Schweinsteiger desmontou a defesa argentina pela esquerda de ataque - mesmo após a saída de Otamendi - e, após deixar todos os marcadores para trás, cruzou para o gol do zagueiro Friedrich fazer o terceiro.

Mas ainda havia tempo para mais. Klose fez o quarto gol da Alemanha, seu 14º em Copas do Mundo - igualando-se a Gerd Müller, ficando a um de Ronaldo, maior artilheiro dos Mundiais. Messi, Melhor do Mundo pela Fifa, passou em branco. Celeste e branco. O uniforme, desta vez, não deu sorte.

FICHA TÉCNICA

ARGENTINA 0x4 ALEMANHA

ESTÁDIO: Green Point, Cidade do Cabo
DATA E HORA: Sábado, 3 de julho de 2010, às 11h (de Brasília)
ÁRBITRO: Ravshan Irmatov (UZB)
AUXILIARES: Rafael Ilyasov e Bakhadyr Kochkarov (UZB)
CARTÕES AMARELOS: Otamendi (ARG); Müller (ALE)
GOLS: Müller (0-1), aos 3'/1ºT; Klose (0-2), aos 23'/2ºT; Friedrich (0-3), aos 28'/2ºT; Klose (0-4), aos 42'/2ºT

ARGENTINA: Romero; Otamendi (Pastore, 24'/2ºT), Demichelis, Burdisso e Heinze; Mascherano, Maxi Rodríguez e Di María (Agüero, 30'/2ºT); Messi, Tévez e Higuaín
Técnico: Diego Maradona

ALEMANHA: Neuer; Lahm, Friedrich, Mertesacker e Boateng (Jansen, 27'/2ºT); Khedira (Kroos, 31'/2ºT), Schweinsteiger, Müller (Trochowski, 38'/2ºT), Özil e Podolski; Klose
Técnico: Joachim Low

PROXIMOS JOGOS

  • 03/07Argentina x Alemanha
  • 03/07Paraguai x Espanha
  • 06/07Uruguai x Holanda

Eliminação da Argentina faz a alegria dos famosos no Twitter

RIO DE JANEIRO - Se na sexta-feira (2) o Brasil parou com a eliminação da Seleção de Dunga do Mundial da África do Sul, neste sábado (3) parecia mais que o time tinha voltando para o campo, tamanha animação da torcida. O motivo? A eliminação da Argentina. O maior rival do Brasil em campo tomou de 4 a 0 da Alemanha, e o Twitter dos famosos bombou de comentários sobre o resultado. Confira:

Fernanda Motta (@fefemotta): "Alguém fala para o avião do Brasil esperar para dar uma carona para os jogadores da Argentina, please".

Sophie Charlotte (@sophiepode): "Os Argentinos se concentraram tanto em secar o Brasil que se esqueceram de fazer o deles... Hahaha perderam de 4!!!".

Marcelo Tas (@marcelotas): "Receita alemã: time jovem, aplicado, joga limpo e sem estrelismos. Simples assim".

Miguel Falabella (@FalabellaReal): "Alemanha tá com pinta de campeã, não acham?"

William Bonner (@realbonner): "PUTZ! Minha tristeza de ontem com a desclassificação acabou inteiramente de repente! Por que será??????"

Caroline Celico, mulher de Kaká (@cacelico): "Bom dia! Alegria agora que a Argentina perdeu!? Estou rindo dos comentários de vocês!!! Novo dia..."

Susana Werner, mulher de Júlio César (@suwerner): "Tirem o lado positivo de tudo nesta vida: hoje é um dia mais feliz!!!"



Escrito por mimim às 16h06
[] [envie esta mensagem
] []





(2ª PARTE)

Brasil leva gols, falha na marcação e se descontrola

Tão segura nos 45 minutos iniciais, a equipe começou vacilante na segunda etapa. Um lance displicente no primeiro minuto fez com que Felipe Melo levasse uma bronca de Lúcio. Sete minutos depois, o Brasil sofreu o empate num lance que, até esta sexta-feira, era incomum na Copa: falha da zaga, e ainda por cima numa bola aérea. Julio Cesar e Felipe Melo se chocaram, e a bola cruzada por Sneijder desviou de leve no volante antes de entrar. Foi o primeiro gol contra do Brasil na história dos Mundiais.

A igualdade no placar desestabilizou o Brasil, que ficou acuado em seu campo e viu suas tentativas de ataque esbarrar em erros de passe. Só conseguiu concluir uma jogada aos 20 minutos, quando Kaká bateu colocado, mas sem muito perigo. A Holanda, que mostrou suas fragilidades no primeiro tempo, passou a explorar as do Brasil, recorrendo ao lado direito do ataque e fazendo Michel Bastos sofrer para marcar Robben. Preocupado com o seu lateral, que já havia recebido cartão amarelo, Dunga trocou-o por Gilberto aos 16 minutos.

Seis minutos depois, a Holanda conseguiu a virada. E em outra falha da defesa. Uma cobrança de escanteio encontrou Kuyt, que, posicionado na primeira trave, desviou a bola para trás.  Sneijder, com seu 1,70m, cabeceou para a rede. Mais seis minutos, e a situação piorou. Felipe Melo fez falta e em seguida deu um pisão em Robben, recebendo cartão vermelho direto.

 

Dunga ainda substituiu Luis Fabiano por Nilmar, mas a troca de um atacante por outro pouco ajudou a seleção, que só conseguiu levar algum perigo aos holandeses em duas cobranças seguidas de escanteio. Aos 44 minutos, veio a tentativa derradeira. Daniel Alves teve uma cobrança de falta, mas a bola explodiu na barreira. Era o fim do sonho do hexacampeonato.

 

Julio Cesar derrota Brasil jogo Holanda



Escrito por mimim às 18h10
[] [envie esta mensagem
] []





Brasil perde para a Holanda e é eliminado de novo nas quartas

Seleção tem atuação segura no primeiro tempo, mas se descontrola no segundo e é derrotada de virada, por 2 a 1, dano adeus à África do Sul.

Em toda a sua preparação e durante a Copa do Mundo na África do Sul, a seleção brasileira se esforçou em adotar uma filosofia diferente da utilizada em 2006. Por ironia, o resultado foi o mesmo: derrota para uma seleção europeia e eliminação nas quartas de final. No lugar da França, o algoz foi a Holanda. E Sneijder tomou de Henry o posto de carrasco, participando do lance do primeiro gol e marcando o segundo na vitória por 2 a 1, de virada, nesta sexta-feira.

A eliminação em Porto Elizabeth representa um duro golpe na era Dunga como técnico. A seleção vinha acumulando bons resultado - como os títulos da Copa América e da Copa das Confederações, a primeira colocação nas eliminatórias e vitórias expressivas sobre adversários de peso - mas fracassou em sua principal missão, a conquista do hexacampeonato. Os brasileiros, que receberão a Copa de 2014, voltam para casa com uma campanha de três vitórias, um empate e uma derrota.

A Holanda, que acumulou sua quinto triunfo consecutivo na Copa e agora soma 24 partidas de invencibilidade, enfrentará Gana ou Uruguai na semifinal, em partida na próxima terça-feira, às 15h30m (de Brasília), na Cidade do Cabo. E se vinga das eliminações nas edições de 1994 e 1998, as duas últimas vezes em que havia cruzado com o Brasil em Mundiais.

Foi ele o eleito o melhor em campo no estádio Nelson Mandela Bay, em votação popular no site da Fifa. Pelo primeiro tempo, ficou a impressão de que dificilmente o escolhido deixaria de ser um brasileiro. A seleção dominou a Holanda, marcou seu gol (com Robinho) logo no início, criou lances bonitos e foi pouco ameaçada. A partida após o intervalo, no entanto, foi outra. O Brasil falhou na defesa, seu setor mais elogiado, esteve acuado, quase não chegou ao ataque e demonstrou instabilidade emocional. E viu mais um jogador seu ser expulso na competição, depois que Felipe Melo deu um pisão em Robben. 

Brasil faz gol, marca duro e joga bonito

Conhecidas pelo estilo bonito de jogar, as seleções de Brasil e Holanda deixaram o futebol de lado nos primeiros minutos. Luis Fabiano e Van Bommel se estranharam e foram repreendidos pelo árbitro. O holandês pareceu não se intimidar, já que em seguida discutiu com Robinho. Passado esse início nervoso, no entanto, os brasileiros perceberam que teriam espaço para jogar.

Robinho comemoração Brasil jogo Holanda

 

A primeira pista veio com passe de Maicon, que encontrou Daniel Alves livre, mas impedido, ainda que por pouco. Já Robinho se posicionou melhor e correu sozinho no meio da zaga laranja. Recebeu passe primoroso de Felipe Melo e chutou com estilo, sem dominar a bola, superando o goleiro. Com 1 a 0 no placar logo aos dez minutos, o Brasil pôde se planejar para atuar do jeito que mais gosta: marcando duro no campo defensivo e procurando os contra-ataques.

No entanto, o estilo da Holanda, de não ir ao ataque desesperadamente, fez com que os contragolpes não viessem. Ainda assim, o Brasil produziu belas jogadas. Numa delas, Daniel Alves deu dois cortes pela ponta e cruzou para Juan chutar por cima do gol. Na mais bonita, Robinho deixou para trás dois marcadores, Luis Fabiano deu passe de letra, e Kaká chutou bem ao seu estilo, com efeito, obrigando Stekelenburg a fazer excelente defesa.

Com uma muralha à sua frente, Julio Cesar pouco trabalhou no primeiro tempo: fez duas defesas seguras em chutes de Kuyt e Sneijder. E só. O craque Robben insistiu na sua jogada preferida, de carregar a bola pela direita e cortar para a esquerda, mas foi sempre bloqueado antes do chute. A Holanda tentou invadir o terreno brasileiro recorrendo até à malandragem. Em cobrança de escanteio, Robben deu um leve toque na bola e correu para a área. Mas Daniel Alves, atento, chegou antes de qualquer adversário.

Após 19 faltas, o primeiro tempo terminou com mais uma boa jogada da seleção, em que Kaká - até então mais participativo do que em outros jogos - inverteu um lance da esquerda para a direita. Maicon chutou para defesa do goleiro.

galera a segunda parte vem aí espero que gostem e por favor naum fiquem com raiva do brasil eles lutaram pra isso mas naum culpem eles ,eles ainda foram muito bons pra chegar até as quartas de final entaum naum fikem com raiva vlw um beijão depois isso passa 2014 eu vou espero que vcs tbm aki em pernambuco neh  onde eu moro é bem pertinho um beijo.

 

 



Escrito por mimim às 18h00
[] [envie esta mensagem
] []





 Oii pessoal meu nome é yasmim sou nova por aqui tenho 10 anos moro em PE tenho uma familia que me ama me adora se diverti comigo gosto de fazer amigos tenho vários amigos e amigas gosto de brincar tenho uma irmã maravilhosa q me ama meus pais são muito legais meu pai é muito engraçado tenho muitas amigas e gosto muito delas são léticia , nicólly,rayana,estela,thandalla,caren e vcs tbm podem ser meus amigos entrem no meu blog se divirtam pois vou colocar músicas, notícias e muito mais beijão.



Escrito por mimim às 16h59
[] [envie esta mensagem
] []



 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]